PÁSCOA: DESENHOS E ESTUDOS

 

O VERDADEIRO SIGINIFICADO DA PÁSCOA

Assim como no natal, quando papai Noel rouba a cena no verdadeiro significado da comemoração dessa importante data, que é o nascimento de Jesus, assim também na Páscoa há uma personagem que leva as atenções e faz desviar o olhar do verdadeiro motivo desta importante comemoração cristã. Muitas pessoas não sabem qual é o verdadeiro significado da Páscoa. Muita gente ainda pensa que Páscoa é apenas um feriado muito legal no qual ganhamos ovos de chocolate.

A celebração da páscoa não tem nada a ver com os símbolos que conhecemos hoje em dia como coelhinhos e ovos de chocolate.

O verdadeiro significado da Páscoa, encontramos na Bíblia, na Palavra de Deus! A Páscoa que comemoramos hoje é a maior de todas as festas cristãs, maior até do que o Natal! A Páscoa é uma festa comemorada pelos judeus. Eles celebram a libertação da escravidão no Egito. Deus usou a vida de Moisés para tirar o povo do Egito. Deus mandou dez pragas para que faraó libertasse o seu povo que era duramente escravizado debaixo das suas mãos, e a cada praga o seu coração se endurecia, e na última praga, o primogênito de cada família seria morto, mas os filhos dos judeus seriam poupados sacrificando um cordeirinho e passando o seu sangue na entrada das portas das suas casas. Nessa noite o anjo da morte passou por todos os lares. Mas onde ele via o sangue do cordeiro ele passava por alto e naquele lar não haveria mortes, pois o cordeiro tinha sido sacrificado. Depois que o anjo da morte passou pelo Egito o faraó decidiu deixar livre a Israel. Aleluia!

Essa celebração recebeu o nome de Pessach, que em hebraico significa passagem, nesse caso da escravidão à liberdade. Daí­ surgiu a palavra Páscoa.

Hoje comemoramos a passagem da morte para a vida. A páscoa para nós, povo de Deus, representa a maior festa cristã. Também simboliza a passagem da escravidão do pecado para a liberdade da vida de Deus.

Em Romanos 6:23 disse “Pois o salário do pecado é a morte” Nós merecíamos morrer, mas Deus providenciou uma grande salvação porque nos amava demais!

“Porque Deus amou o mundo tanto, que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crer não morra, mas tenha a vida eterna” Joao 3:16 “Mas Deus nos mostrou o quanto nos ama: Cristo morreu por nós quando ainda vivíamos no pecado” Romanos  5:8

Jesus, O Cordeiro derramou o seu sangue por nós, para que possamos ter vida! “e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado” 1 João 1:7 Pela fé então devemos nos cobrir com o seu sangue, assim como o sangue que foi passado nas portas das casas dos israelitas! Mas como fazemos isto? Crendo que Jesus morreu em meu lugar, que pagou o nosso castigo na cruz.  “Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo. Romanos 10:9” Mas Jesus não permaneceu morto, ele ressuscitou na Páscoa!!!

Ele deu novo significado a esta data. Ele trouxe a “boa-nova”, esperança de uma vida melhor, trouxe ensinamentos para que o povo se libertasse do sofrimento e do mal. Ele veio para nos reconciliar com Deus e nos dar a chance de viver uma vida abundante, juntamente com Ele. A sua ressurreição simboliza o início de uma vida nova, uma vida liberta da escravidão do pecado !  Não mais para relembrarmos a saída do pais do Egito, mas, para sempre nos lembrarmos da saída do egito do pecado, e  que entramos pela fé na liberdade que há na sua morte e ressurreição.

Jesus é a nossa verdadeira Páscoa! Jesus é o nosso Libertador!!  “Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós.” I Co 5:7b

Somente podemos dizer feliz páscoa se Jesus for o nosso cordeiro! Ele é seu cordeiro, que  libertou você do pecado e das maldiçoes? Então sim, podemos dizer com alegria e em alta voz: FELIZ PÁSCOA!!!

Por Pra Gabriela Pache de Fiúza

__________________________________________________________

Estudo: “A Páscoa”

1- Objetivo: Ensinar para as crianças que Jesus é a verdadeira Páscoa. Ele é o Cordeiro Pascal que foi morto para nos dar vida!
2- Quebra-Gelo: Quando você ouve a palavra “páscoa” o que vem à sua mente?
3- Versículo para Memorizar: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. João 1:29
4- Referência Bíblica: Êxodo 12
5- Mensagem: A Páscoa está chegando! A maioria das pessoas pensa em coelhos e chocolates. Os coelhos são muito fofinhos, e é muito gostoso comer chocolate. Aliás, não precisamos ter uma data certa para comer chocolate, a única diferença é que o chocolate, nessa data, é feito no formato de um ovo. Mas qual é a origem dos ovos de páscoa? Era costume, em todo mundo, presentear as pessoas com ovos de galinha, ganso ou codorna. Esses ovos eram pintados à mão, com cores bem vivas e alegres. O coelho passou a ser símbolo da páscoa também, mas o que todos dizem é que o coelho representa a fertilidade, pois os coelhos geram muitos filhotes. O ovo era considerado símbolo de vida, o chocolate significa força e energia. Mas, na verdade , o significado da Páscoa tem a sua origem na Palavra de Deus, e não tem nada a ver com ovos de chocolates ou coelhos. Vocês se lembram da história do povo de Israel, quando eles viviam no Egito, como escravos? E o Senhor mandou pragas para que faraó deixasse o povo de Israel sair do Egito? Vocês se lembram de algumas delas? A última praga foi a morte de todos os primogênitos (filhos mais velhos), de cada família egípcia, inclusive a morte do filho do faraó. As crianças israelitas não morreram, porque o sangue de um cordeiro foi derramado nos batentes das portas das suas casas. Depois que aconteceu isso, faraó deixou os israelitas saírem do Egito. Eles foram libertos da escravidão. Por causa desse grande livramento, a Páscoa passou a ser comemorada, como a noite que Deus poupou Israel, salvando suas crianças e libertando a todos! O Senhor disse como a Páscoa deveria ser comemorada: “O cordeiro será sem defeito, macho de um ano; podereis tomar um cordeiro ou um cabrito… naquela noite, comerão a carne assada no fogo; com pães asmos (sem fermento)e ervas amargas a comerão… Comemorem esse dia como festa religiosa para lembrar que eu, o Senhor, fiz isso. Vocês e os seus descendentes devem comemorar a Festa da Páscoa para sempre.” . Essa celebração recebeu o nome de Pessach, que em hebraico significa passagem, nesse caso da escravidão à liberdade. Daí­ surgiu a palavra Páscoa. Por que comemoramos a Páscoa hoje? Jesus veio aqui na Terra, para nos reconciliar com Deus e nos libertar da morte e do pecado. Ele foi humilhado, maltratado e morreu como um cordeiro. Depois ele ressuscitou no terceiro dia, e hoje ele vive! Deus enviou seu filho unigênito (único), sem defeitos. Jesus é como aquele cordeiro da Páscoa dos hebreus. Todos os que aceitam seu sacrifício são libertos da escravidão do pecado e da morte, assim como os Hebreus foram libertos pelo sangue dos cordeiros passado nas portas.
6- Aplicação: Jesus ressuscitou na Páscoa. Ele deu novo significado a esta data. Ele trouxe a “boa-nova”, esperança de uma vida melhor, trouxe ensinamentos para que o povo se libertasse do sofrimento e do mal. Ele morreu para nos dar a vida eterna! A sua ressurreição simboliza o início de uma vida nova, uma vida liberta da escravidão do pecado! (Líder, faça o apelo pra quem ainda não aceitou Jesus como seu Senhor e Salvador).
7- Atividade: Celebre a Páscoa com as suas crianças. Use carne assada ( ou salgadinho de bacon), ervas amargas (verduras amargas), pão sem fermento (ou pão sírio) e para tomar, suco de uva. Explique o significado às crianças: o cordeiro, que simboliza Cristo, sacrificado em favor da humanidade, o pão asmo, o nosso Senhor Jesus, que morreu por nós sem nenhum pecado, o vinho, simbolizando o sangue que Jesus derramou na cruz para nos salvar da morte, ervas amargas, representam a escravidão, serviam para lembrar o povo judeu como era ruim a escravidão no Egito, e hoje nos lembram como é ruim, ser escravos do pecado.
8- Comunhão / Encerramento

ESTUDO RETIRADO DO BLOG DA PASTORA MIRIAN GALLI DA IGREJA ÁGUA VIVA. MAUÁ. SÃO PAULO.   http://miriangalli.blogspot.com/

___________________________________________________________

A Primeira Páscoa

(Êxodo 12.)

INTRODUÇÃO

Há muito, muito tempo atrás, antes mesmo de Jesus Cristo nascer, o povo de Israel era escravo no Egito. Eles sofriam muito.

Deus escolheu Moisés para tirar o povo de Israel do Egito, e ele deveria falar com Faraó para que os libertasse.

Moisés e Arão, seu irmão, foram falar com Faraó, por duas vezes, mas Faraó não deixou o povo sair.

Deus sabia que Faraó tinha um coração mau e não deixaria o povo sair. Mas isso não iria atrapalhar o plano de Deus para a libertação do povo de Israel.

DESENVOLVIMENTO

Faraó confiava muito nos deuses do Egito. Eram estátuas de ouro, de prata, de barro, mas que não tinham nenhum poder. Ele acreditava que os seus deuses eram mais poderosos que O Deus dos israelitas. Deus, então, provaria para Faraó e para os egípcios quem é o Deus verdadeiro.

Deus disse a Moisés: Leia Êxodo 7.5

Então Deus mandou as seguintes pragas sobre Faraó e seu povo no Egito, mas não sobre o povo de Israel: 1ª) as águas do Nilo se transformaram em sangue (Êx. 7.19-25),

2ª) muitas rãs invadiram a terra (Êx. 8.1-15)

3ª) e todos ficaram cheios de piolhos (Êx. 8.16-19).

Depois disso:

4ª) muitas moscas invadiram aquele lugar (Êx. 8.20-32)

5ª) e todos os animais ficaram com peste (Êx. 9.1-7), ou seja, ficaram doentes e morreram.

Quantas coisas terríveis aconteceram no Egito! Mas mesmo com tudo isso, o malvado Faraó nem pensava em libertar o povo de Deus.

Depois destas cinco pragas vieram às outras:

6ª) o povo ficou cheio de úlceras (feridas abertas) (Êx. 9.8-12),

7ª) choveu pedras misturadas com fogo do céu (Êx 9.22-35),

8ª)nuvens de gafanhotos invadiram o Egito (Êx. 10.12-20)

9ª) e durante três dias ouve total escuridão (Êx 10.21-29).

Mas nada disso amolecia o coração duro de Faraó. O último castigo seria o pior: Deus avisou a Moisés que todos os filhos mais velhos dos egípcios iriam morrer (Êx 11.1-7). A décima praga seria terrível! Será que agora Faraó acreditaria em Deus e libertaria o povo de Israel?

Moisés disse a Faraó que Deus enviaria um anjo para ferir o filho mais velho de cada família, inclusive dos animais.

Antes que Deus enviasse a última praga ao Egito, ordenou a Seu povo que fizesse uma série de coisas:

(Êx. 12. 8-11)

1.       Comer carne assada de cordeiro

2.       Comer pães asmos (sem fermento) e ervas amargas

3.       Deveriam calçar seus sapatos, ficar com o cajado na mão e estarem já vestidos prontos para viajar.

Mas, por que será que Deus estava pedindo essas coisas? Porque Deus os tiraria do Egito.

Deus mandou, também, que as famílias de Israel colocassem o sangue do cordeiro nos portais das casas, para que seus filhos mais velhos não fossem mortos. (Êx. 12.7)

Esse era o sinal para marcar as casas dos israelitas. Deus disse a Moisés:

— O sangue na parte de cima e laterais das portas será um sinal para marcar as casas onde vocês moram. Quando estiver castigando o Egito, eu verei o sangue então passarei por vocês sem parar, para que não sejam destruídos por essa praga.

O povo não poderia desobedecer esta ordem, para que seus filhos não morressem.

Essa preparação para o povo sair do Egito, Deus chamou de PÁSCOA. E quando os israelitas entrassem na Terra Prometida, eles deveriam fazer uma festa para comemorar aquele dia.

CONCLUSÃO

Aquela foi a Primeira Páscoa. Até hoje os israelitas comemoram a Páscoa. Nós também comemoramos a Páscoa, mas ela não tem nada haver com coelhinhos ou chocolates, mas é para lembrar que Jesus morreu e derramou Seu sangue para nos salvar do pecado, e depois de três dias Jesus ressuscitou.

Páscoa significa Passagem: para os judeus foi à passagem da escravidão para a liberdade. Para nós, é a passagem da morte para a vida. Vida com Cristo.

Depois que os israelitas fizeram tudo o que Deus mandou, Ele então enviou a última praga:

10ª) a morte dos primogênitos (filho mais velho). O Senhor feriu todos os primogênitos do Egito. Os filhos dos israelitas não morreram por causa do sangue do cordeiro que havia na porta da casa deles. (Êx 12.29-30)

Só depois da morte dos primeiros filhos de cada família, inclusive do filho de Faraó, que ele resolveu libertar o povo de Israel. (Êx. 12.31)

Sugestão de Louvor para esta Lição: Cd TEMPO DE SER CRIANÇA CRISTINA MEL

Páscoa! Páscoa!
P, A, S, C, O, A   (4X)

P de Passagem
A de Amor
S de Senhor e Salvador
C de Cristo, o caminho para o céu
O de Orientador
A de Alegria, Amizade e Amor.

Quando Jesus Cristo a sua vida entregou
A minha Páscoa bem mais doce se tornou
Morreu na cruz, foi assim que me salvou

Mas no terceiro dia Ressuscitou!

_________________________________________________________

Jesus Comemora a Páscoa

(Mateus 26.17-30, Marcos 14.12-26, Lucas 22.7-20)

INTRODUÇÃO

Olá crianças! Como vocês estão?

Será que alguém aqui se lembra da lição bíblica que estudamos na semana passada? (Aguarde alguns instantes para que as crianças respondam.)

Nós vimos como e onde aconteceu a primeira Páscoa?(Peça para as crianças contarem qual foi a refeição realizada na primeira Páscoa, onde ela aconteceu e quem a comemorou. Para ajudar os pequeninos utilize as figuras da aula passada.)

Bem, nós já aprendemos como aconteceu a primeira Páscoa. Mas, vocês sabem como devemos comemorar nossa Páscoa hoje?

Quando vocês ouvem a palavra Páscoa hoje do que vocês se lembram?

Mas, será que coelhos e ovos de chocolate representam a verdadeira Páscoa? Será que foi comendo Ovos de Chocolate e com coelhinhos que Jesus comemorou a Páscoa?

Prestem muita atenção, pois hoje vamos aprender como Jesus comemorou a Páscoa, enquanto esteve aqui na terra. 

DESENVOLVIMENTO

Quem aqui sabe o que quer dizer a palavra CEIA? Quem já ouviu falar de ceia de Natal? É uma refeição. É muito bom quando estamos com os amigos numa refeição especial.

E a Santa Ceia na igreja, vocês sabem como é? (Deixe as crianças falarem)

Na história de hoje, vamos ver como foi o último jantar de Jesus, ou seja, a última Ceia de Jesus com seus amigos.

Jesus, sendo o Filho de Deus, sabia tudo o que ia acontecer, e por esse motivo sabia que logo seria preso e morto. Então chamou Seus discípulos para juntos terem sua última Ceia.

Jesus chamou seus discípulos, Pedro e João e lhes deu a seguinte ordem:

— Vão e preparem para nós o jantar da Páscoa.

Mas eles perguntaram a Jesus:

— Onde o Senhor que a gente prepare esta ceia?

Jesus respondeu:

— Escutem! Quando entrarem na cidade, um homem carregando um pote de água vai se encontrar com vocês. Sigam esse homem até a casa onde ele entrar e digam ao dono dela: “O Mestre mandou perguntar a você onde fica a sala em que ele e os seus discípulos vão comer o jantar da Páscoa.”

Então ele mostrará a vocês uma grande sala mobiliada, no andar de cima. Preparem ali o jantar.

Os dois discípulos foram até a cidade e encontraram tudo como Jesus tinha dito. Então prepararam o jantar da Páscoa.

Quando anoiteceu, Jesus chegou com os doze discípulos. Ele e seus discípulos se assentaram à mesa.

Durante o jantar Jesus disse:

— Eu afirmo a vocês que isto é verdade: um de vocês vai me trair.

Eles ficaram muito tristes e, um por um, começaram a perguntar:

— O senhor não está achando que sou eu; está?

Jesus respondeu:

— Quem vai me trair é aquele que come no mesmo prato que eu.

Enquanto estavam comendo, Jesus pegou o pão e deu graças a Deus. Depois partiu o pão e o deu aos discípulos, dizendo:

— Peguem e comam; isto é o meu corpo.

Em seguida, pegou o cálice de vinho e agradeceu a Deus. Depois passou o cálice aos discípulos, dizendo:

— Bebam todos vocês porque isto é o meu sangue, que é derramado em favor de muitos para o perdão dos pecados, o sangue que garante a aliança feita por Deus com o seu povo.

Jesus sabia de tudo o que ia acontecer, e com a ceia Ele explicou de uma forma bem clara sobre o significado de Sua morte.

Durante a ceia, algo muito triste aconteceu. Após comer o pão, o discípulo que Judas Iscariotes saiu para trair Jesus. (João 13.21-30)

Depois da ceia, Jesus e seus discípulos cantaram louvores e saíram para o Monte das Oliveiras.

CONCLUSÃO

Por essa razão temos o culto de Santa Ceia. Ela nos lembra do que Jesus fez por nós na cruz.

O corpo de Jesus foi ferido na cruz como o pão foi partido, e Seu sangue foi derramado pelos nossos pecados, como o vinho.

_________________________________________________________

Jesus: O Cordeiro de Deus

(João 19.1-37)

INTRODUÇÃO

Muitos homens, na época de Jesus, queriam matá-Lo, porque não acreditavam que Ele era o Filho de Deus. Tentaram de muitas formas e não conseguiram, mas, como vocês já aprenderam, Judas O traiu e Jesus foi preso. Tudo isso aconteceu porque fazia parte do plano de Deus para nos salvar.

Hoje, vamos ver o que aconteceu depois disso.

 DESENVOLVIMENTO

Logo depois que foi preso, Jesus sofreu bastante. Os guardas riram dEle, bateram muito nEle, tiraram Sua  roupa, colocaram sobre Ele uma capa vermelha e uma coroa cheia de espinhos;pregaram suas mãos numa vara , e gritaram:

— Viva o rei dos judeus!

.Eles também cuspiram em Jesus e bateram na Sua cabeça. Como Jesus sofreu!

O povo podia ter pedido para que soltasse Jesus, mas não pediram e gritaram:

— Crucifique! Crucifique!

Jesus foi condenado à morte na cruz.

Jesus teve que carregar Sua cruz até o local onde seria crucificado. No caminho, como a cruz era muito pesada, obrigaram um homem chamado Simão a ajudar Jesus.

Quando chegaram ao monte chamado Calvário, pregaram Jesus na cruz.

Mesmo com tudo o que as pessoas fizeram para Jesus, Ele continuava amando aquelas pessoas e pediu para Deus perdoá-las.

Perto Dele estavam crucificados também dois ladrões. Um deles não quis acreditar em Jesus, mas o outro disse a seu companheiro:

— Você não teme a Deus… o nosso sofrimento é justo, porque estamos recebendo o castigo pelo que fizemos; mas ele não fez nada de mau.

Aquele que acreditou disse para Jesus:

— Jesus, lembre-se de mim…”.

E Jesus lhe respondeu:

— Hoje mesmo estarás comigo no céu.

Antes de morrer, Jesus disse a Deus, Seu Pai:

— Pai, em suas mãos entrego o meu espírito!

Depois de dizer isso, Ele morreu.

 

CONCLUSÃO

Hoje aprendemos que Deus demonstrou o Seu grande amor, mandando o Seu Filho Jesus para morrer na cruz pelos nossos pecados! É importante reconhecer o pecado e aceitar tão grande prova de amor.

O que Jesus fez por nós foi o que Deus fez para os judeus através do cordeiro morto na Páscoa. Jesus veio ao mundo para nos salvar de tudo aquilo que nos mantinha escravos do pecado. Ele morreu na cruz em nosso lugar, como se Ele houvesse cometido os nossos erros. Mas na verdade, ele nunca pecou.

Ele fez isso por amor. Assim como o cordeiro que o Povo de Deus precisava preparar para comemorar a primeira Páscoa, Jesus é o Cordeiro de Deus que morreu por nós (João 1.29)

Vocês se lembram que o cordeiro também não poderia ter defeito nenhum? (Êxodo 12.5) Assim também Jesus não tinha nenhum pecado (1ª Pedro 1. 18 e 19).

O Povo de Deus precisou passar o sangue do cordeiro nas portas de suas casas para que o Anjo da Morte na entrasse para matar os filhos mais velhos, Jesus derramou o Seu preciosos sangue lá na cruz para nos livrar do castigo do pecado.

Mas a história de Jesus não terminou aqui. Algo maravilhoso aconteceu, e nós vamos aprender na próxima aula.

Sugestão de Louvor para esta Lição: POR QUE ME AMOU TANTO ASSIM_CRIANÇAS DIANTE DO TRONO_CD QUEM ÉJESUS?

 

_________________________________________________________

Jesus Está Vivo!

(Mateus 28.1-10, Marcos 16.1-14, Lucas 24.1-12, João 20.1-18)

INTRODUÇÃO

Na semana passada, estudamos sobre a morte de Jesus, não é mesmo? (Recorde a lição passada, mostrando as cenas).

Foi muito triste saber que o Filho de Deus morreu na cruz. Mas nós sabemos também que Ele fez isso porque nos ama muito e queria nos salvar.

Vamos ver o que aconteceu com Jesus depois que tiraram Seu corpo da cruz.

DESENVOLVIMENTO

Jesus foi colocado num túmulo, mas naquela época os túmulos eram diferentes dos que vemos hoje. Era parecido com uma caverna. (Visualize o sepulcro daquela época com uma figura, ou faça a montagem de um com “papel pedra” para que as crianças entendam melhor).

Na entrada da caverna puseram uma grande pedra e dois guardas vigiavam para que ninguém chegasse perto.

No domingo bem cedinho, Deus fez acontecer um terremoto; veio um anjo do céu e tirou a pedra que fechava a entrada do túmulo. Os guardas ficaram com muito medo e fugiram.

Pouco mais tarde, algumas mulheres foram até o túmulo de Jesus para colocar perfume no corpo dele. No caminho elas conversavam assim:

Quem vai tirar para nós a pedra que fecha a entrada do túmulo? Diziam isso porque a pedra era muito pesada.

Mais quando chegaram lá, ficaram assustadas ao perceber que a pedra não estava mais no lugar. Então pensaram que alguém havia roubado o corpo de Jesus. Naquele momento, viram dois anjos vestidos com roupas que brilhavam.

Elas sentiram muito medo, nem conseguiram olhar direito para eles. E os anjos falaram assim:

Por que vocês estão buscando Jesus dentre os mortos? Ele já está vivo! Ele tinha avisado a vocês que não ficaria morto, que no terceiro voltaria a viver!

As mulheres, mais que depressa, foram contar para os discípulos e a todas as outras pessoas, as novidades que os anjos haviam dito.

Pedro e João ficaram sabendo e logo foram ver se era mesmo verdade. Que alegria para todos!

JESUS ESTÁ VIVO!!!

CONCLUSÃO

Jesus foi muito mais poderoso que a morte, porque Ele ressuscitou e hoje está vivo. As pessoas nascem, crescem e morrem. Mas Jesus foi diferente, Ele morreu, mas ressuscitou, mostrando assim o grande amor de Deus (que mandou Jesus ao mundo para morrer pelos nossos pecados) e Seu poder (ressuscitando Cristo da morte). Jesus, hoje, está vivo e está sempre ao nosso lado, em todos os momentos.                 

Sugestão de Louvor para esta Lição: SIM,SIM! NÃO,NÃO!_CRIANÇAS DIANTE DO TRONO_CD QUEM ÉJESUS?


180 pensamentos sobre “PÁSCOA: DESENHOS E ESTUDOS

  1. Denise disse:

    Sempre consulto sementinha kids é uma benção, sou professora da EBD e tem me ajudado muito. Deus abençoe…

  2. Lucélia Fagundes disse:

    estou maravilhada com a riqueza do material!!! Glória a Deus!!!

  3. maria de fatima da silva santos do nascimento disse:

    amei esta etoria vai me ajuda muito amem

  4. maria de fatima da silva santos do nascimento disse:

    eu sou profesora e axei muito eteresati esti estudo

  5. raquel barros disse:

    maravilhoso o estudo,foi muito proveitoso pois trabalho com crianças.muito detalhado e de fácil explicação.Deus abençoe nossa querida pastora.

Deixe uma resposta