SALOMÃO

agosto 20, 2009 em Uncategorized por sementinhakids

 

“O Reino Dividido”

1- Objetivo: Ensinar as crianças que nós, os cristãos, temos que tomar cuidado com as nossas amizades, pois elas determinam o nosso relacionamento com Deus.
2- Quebra-Gelo: Um amigo seu já mandou você fazer algo errado? O quê?
3- Versículo para Memorizar “Não se enganem: “As más companhias estragam os bons costumes.” 1 Coríntios 15.33 (Maus amigos pode nos levar a fazer coisas erradas, fuja deles!)
4- Referência Bíblica: Reis 11 e 12
5- Mensagem: O rei Salomão, filho de Davi, amou muitas mulheres estrangeiras e casou-se com elas, mesmo sabendo que o SENHOR Deus havia ordenado aos israelitas que não se casassem com mulheres estrangeiras, porque elas fariam com que os corações deles se voltassem para outros deuses. Salomão não foi fiel ao SENHOR como seu pai, havia sido. Também construiu lugares de adoração, onde todas as suas mulheres estrangeiras queimavam incenso e ofereciam sacrifícios aos seus próprios deuses. O SENHOR havia aparecido a Salomão duas vezes e lhe havia ordenado que não adorasse deuses estrangeiros. Mesmo assim, Salomão não obedeceu ao SENHOR. Por isso, o SENHOR ficou muito irado com Salomão e disse: — Você quebrou a sua aliança comigo e desobedeceu aos meus mandamentos; por isso, eu vou tirar o reino de você e vou dá-lo a um dos seus oficiais. Houve um homem chamado Jeroboão que se virou contra o rei Salomão. Jeroboão era oficial de Salomão. Um dia, Jeroboão saiu de Jerusalém em viagem, e o profeta Aías, se encontrou com ele sozinho na estrada, no meio do campo. Então Aías tirou a capa nova que estava usando, cortou-a em doze pedaços e disse a Jeroboão: — Fique com dez pedaços porque o SENHOR, o Deus de Israel, está lhe dizendo o seguinte: “Eu vou arrancar o reino da mão de Salomão e vou dar dez tribos a você. Por causa disso, Salomão tentou matar Jeroboão, mas ele fugiu para o Egito. Salomão governou quarenta anos em Jerusalém como rei de todo o povo de Israel. Salomão morreu e foi sepultado na Cidade de Davi, e o seu filho Roboão ficou no lugar dele como rei. Roboão, filho de Salomão, foi até Siquém, onde todo o povo de Israel se havia reunido para fazê-lo rei. Jeroboão, que havia fugido do rei Salomão e ido para o Egito, soube disso e voltou de lá. O povo das tribos do Norte mandou buscá-lo, e foram todos juntos falar com Roboão. Eles disseram: — Salomão, o seu pai, nos tratou com dureza e nos fez carregar cargas pesadas. Se o senhor tornar essas cargas mais leves e a nossa vida mais fácil, nós seremos seus servidores. Roboão respondeu: — Voltem daqui a três dias, e aí eu darei a minha resposta. Então eles foram embora. Três dias depois, Jeroboão e todo o povo foram falar de novo com o rei Roboão, como ele havia mandado. O rei desprezou o conselho dos homens mais velhos e falou duramente com o povo. Ele disse: — O meu pai fez vocês carregarem cargas pesadas; eu vou aumentar o peso ainda mais. Ele castigou vocês com chicotes; eu vou surrá-los com correias. Assim o rei Roboão não atendeu o povo. O SENHOR Deus fez com que isso acontecesse para confirmar aquilo que ele, por meio do profeta Aías, tinha dito a Jeroboão, que mais tarde governou as dez tribos de Israel.
6- Aplicação: Salomão no começo do seu reinado foi um homem que queria agradar a Deus e ajudar o seu povo, mas depois que ele se envolveu com mulheres de outros povos, que adoravam outros deuses, ele se afastou do Senhor. Conosco acontece o mesmo, quando estamos perto de pessoas que servem a Deus, ficamos cada vez mais perto d’Ele, mas quando nossos amigos não conhecem a Deus, nos afastamos de d’Ele. Por isso, sempre ande com pessoas que edificam sua vida, que te fazem uma pessoa mais parecida com Jesus!
7- Atividade: Material: papel e lápis suficiente para todos os participantes.
Sentados em círculo, cada um recebe uma folha e um lápis; escreve o nome e faz um desenho que represente a si mesmo. Passar o desenho ao colega do lado direito, pedir que acrescente uma coisa ao desenho, passar novamente para a direita, repetir o processo umas duas ou três vezes. Devolver o desenho ao dono. Ensinar as crianças que Deus nos fez de uma forma, mas que a cada dia, pessoas nos influenciam e nos fazem diferentes, mas temos que buscar direção de Deus para sermos da forma que ele deseja.
8- Comunhão / Encerramento

“Rei Salomão”


1- Objetivo: Ensinar as crianças que devemos viver uma vida de sabedoria, assim seremos abençoados e felizes!
2- Quebra-Gelo: O que é sabedoria? Dê exemplos. (Líder, se as crianças tiverem dificuldade para dar a definição, explique a elas e peça, então, para darem exemplos. Sabedoria é saber viver , é viver bem, fazendo coisas certas. Todos, crianças e adultos, viverão bem, se colocarem o Senhor em primeiro lugar em suas vidas e obedecerem aos seus mandamentos. Reconhecendo que Deus é o nosso Criador, e o nosso Senhor!)
3- Versículo para Memorizar: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria”- Provérbios 9.10 (todo aquele que teme ao Senhor é sábio)
4- Referência Bíblica: 1 Reis 3
5- Mensagem: Salomão era filho de Davi, e tinha se tornado rei. Ele amava o Senhor e seguia os conselhos de Davi, seu pai. Certa vez, Salomão foi a Gibeão oferecer sacrifícios porque naquele lugar estava o altar mais famoso de todos. Naquela noite, o Senhor Deus apareceu num sonho a Salomão e perguntou: – O que você quer que eu lhe dê? Ele respondeu: —Tu sempre mostraste grande amor por Davi, meu pai, teu servo, e ele era bom, fiel e honesto para contigo. Ó Senhor Deus, tu deixaste que eu ficasse como rei no lugar do meu pai, embora eu seja muito jovem e não saiba governar. Portanto, dá-me sabedoria para que eu possa governar o teu povo com justiça e saber a diferença entre o bem e o mal. Deus gostou de Salomão ter pedido isso e disse: – Já que você pediu sabedoria para governar com justiça, eu darei o que você pediu, mas lhe darei também o que não pediu: durante toda a sua vida, você terá riquezas e honras, mais do que qualquer outro rei. E, se você me obedecer e guardar as minhas leis e os meus mandamentos, como fez Davi, o seu pai, eu lhe darei uma vida longa. Quando acordou, Salomão compreendeu que Deus havia falado com ele no sonho. Certo dia, duas mulheres apresentaram-se diante do rei Salomão, e uma delas disse: – Ó rei Salomão! Eu e esta mulher moramos na mesma casa. Eu dei à luz um menino, e ela estava lá comigo. Dois dias depois do nascimento do meu filho, ela também deu à luz um menino. Uma noite, ela rolou sem querer sobre o seu filho e o sufocou. Então se levantou durante a noite, enquanto eu dormia, pegou o meu filho e o colocou na cama dela. Depois colocou o menino morto nos meus braços. No outro dia de manhã, quando eu me levantei para dar de mamar ao meu filho, vi que estava morto. Porém, quando reparei bem, percebi que não era o meu filho. Mas a outra mulher disse: – Não é verdade. Pelo contrário, meu filho é o que está vivo, e o seu é o que está morto! E foi assim que discutiram na frente do rei. Então o rei Salomão disse: — Tragam uma espada e cortem a criança viva pelo meio e dêem metade para cada uma destas mulheres. A verdadeira mãe do menino, com o coração cheio de amor pelo filho, disse: — Por favor, senhor, não mate o meu filho! Entregue-o a esta mulher! Mas a outra disse: — Podem cortá-lo em dois pedaços! Assim ele não será nem meu nem seu. Aí Salomão disse: — Não matem a criança! Entreguem o menino à primeira mulher porque ela é a mãe dele. Todo o povo de Israel soube dessa decisão do rei Salomão, e aí todos sentiram um grande respeito por ele, pois viram que Deus lhe tinha dado sabedoria para julgar com justiça.
6- Aplicação: Quando Deus se encontrou com Salomão e perguntou o que ele queria, Salomão poderia ter pedido qualquer coisa: propriedades, bens, ou riquezas, afinal, Deus daria a ele. Mas Salomão se preocupou em pedir algo que fosse para abençoar as pessoas. A sabedoria o ajudaria a governar o povo de forma correta, sem injustiças. Salomão pensou mais no seu povo no que nele mesmo, e por essa atitude, Deus não só deu aquilo que ele havia pedido como também, muitas riquezas. Salomão foi o rei mais sábio de toda a história. Ele escreveu os livros da Bíblia: Provérbios, Eclesiastes e Cantares. Ele ajudou muito o povo de Israel. Podemos pedir coisas a Deus, mas Ele se alegra quando pedimos algo para ajudar outras pessoas. Quando cuidamos dos outros, Deus cuida de nós!
7- Atividade: Fazer objetos que lembram a vestimenta de um rei: coroa, manto, roupas longas, cetro. Vestir uma das crianças da célula. Pergunte às crianças: O que faz um rei? Quais são os privilégios de ser rei? Qual é o lado ruim de ser rei? Você gostaria de ser um rei, por quê? O nosso país é governado por um rei?
Pode-se encenar a história que foi contada a elas sobre as duas mulheres e o bebê.
8- Comunhão / Encerramento