NAAMÃ

junho 25, 2009 em Uncategorized por sementinhakids

ESTUDO NAAMÃ E A PEQUENA ESCRAVA

Vamos falar hoje de uma menina que não tem seu nome citado na Bíblia, mas que Naamã um homem rico e importante, precisou da ajuda dela.

Lepra era uma das doenças mais temidas daquele tempo. Alguns leprosos eram obrigados a ficarem fora das suas cidades, tendo que viver nos campos, deixados à própria sorte. Com certeza Naamã queria ser curado.

O rio Jordão era pequeno e sujo comparado a outros rios. Naamã se achava muito importante para mergulhar num rio daquele.

Ler:2 Reis 5
Versículo para DECORAR: “Filhos, em tudo obedecei a vossos pais”. (Cl 3.20)

APLICAÇÃO: Mostrar de devemos aproveitar as oportunidades para falar de Jesus.
IntroduçãoA história de hoje é de uma menina que foi levada como escrava para um país muito longe da casa dela. Ela aproveitou a oportunidade para falar de Deus naquele lugar.
Desenvolvimento

Essa menina foi levada como escrava para trabalhar na casa de Naamã, o chefe do exército da Síria. Naamã era homem respeitado e importante, mas havia um problema sério com ele: tinha uma doença grave chamada lepra. Essa doença dá feridas horríveis no corpo.

Vendo isto, a pequena escrava disse para a mulher de Naamã que se ele procurasse em Israel um profeta de Deus, chamado Eliseu, certamente seria curado. Naamã ficou sabendo disso e foi até a casa de Eliseu. Chegando lá, Eliseu mandou um mensageiro dizer a Naamã que deveria se lavar sete vezes no rio Jordão, e ficaria livre da sua doença.
Naamã ficou zangado com o recado; afinal ele era um homem importante e Eliseu nem saiu para lhe dar atenção, por isso resolveu ir embora. Mas os homens que estavam com Naamã disseram: “…Por que é que o Senhor não pode ir se lavar, como ele disse, e ficar curado? ” Então, Naamã resolveu se lavar sete vezes e foi curado. Que coisa boa! Ele ficou tão feliz que voltou para a casa de Eliseu para agradecer a cura. Quis até dar presentes, mas Eliseu não aceitou, porque sabia que não tinah sido ele que realizara o milagre, mas, sim, Deus. Eliseu apenas disse: ” Vai em paz”.

Sabem crianças, a melhor coisa que aconteceu nesta histária não foi somente a cura de Naamã, mas , sim, que ele reconheceu que Deus é o Deus verdadeiro. Ele disse: ” Agora eu sei que no mundo inteiro não existe nenhum deus, a não ser Deus de Israel”.

Conclusão

Uma pequena palavra da menina fez com que Naamã fosse curado, e cresse em Deus. E você, mesmo sendo pequeno, pode ajudar as outras pessoas, falando de Jesus.

(Fonte: Editora Cristã Evangélica)  Quando as crianças aparecem
_________________________________________________________

Título: Eliseu e Naamã

1- Revisão da lição anterior: Eliseu e a Sunamita (Faça perguntas às crianças)
2- Objetivo: Ensinar as crianças sobre a Fé e a importância de testemunhar a outros que Deus faz milagres.
3- Quebra-Gelo: O que você gostaria que Deus realizasse na sua vida? Você tem fé que Deus pode fazer isso? (Líder, no final da célula, ore com as crianças sobre os seus pedidos, gerando fé em cada um deles).
4- Versículo para Memorizar: A fé é a certeza de receber as coisas que esperamos e a prova de fatos que não vemos. Hebreus 11:1
5- Referência Bíblica: 2 Reis 5:1-14
6- Mensagem: Naamã, o comandante do exército da Síria, era muito respeitado e estimado pelo rei do seu país porque, por meio de Naamã, o SENHOR Deus tinha dado a vitória ao exército dos sírios. Ele era um soldado valente, mas sofria de uma terrível doença da pele. Num dos seus ataques contra Israel, os sírios haviam levado como prisioneira uma menina israelita, que ficou sendo escrava da mulher de Naamã. Um dia a menina disse à patroa: — Eu gostaria que o meu patrão fosse falar com o profeta que mora em Samaria, pois ele o curaria da sua doença. Então Naamã foi falar com o rei e contou o que a menina tinha dito. E o rei ordenou: — Vá falar com o rei de Israel e entregue esta carta a ele. Então Naamã saiu, levando uns trezentos e cinqüenta quilos de prata, e uns setenta quilos de ouro, e dez mudas de roupas finas. A carta que ele levava dizia assim: “Esta carta é para apresentar Naamã, que é meu oficial. Eu quero que você o cure.” Quando o rei de Israel leu a carta, rasgou as suas roupas em sinal de medo e exclamou: — Como é que o rei da Síria quer que eu cure este homem? Será que ele pensa que eu sou Deus e que tenho o poder de dar a vida e de tirá-la? Ele está querendo briga! O profeta Eliseu soube do que havia acontecido e mandou dizer ao rei: — Por que o senhor está tão preocupado? Mande que esse homem venha falar comigo, e eu mostrarei a ele que há um profeta em Israel! Então Naamã foi com os seus cavalos e carros e parou na porta da casa de Eliseu. Eliseu mandou que um empregado saísse e dissesse a ele que fosse se lavar sete vezes no rio Jordão, pois assim ficaria completamente curado da sua doença.
Mas Naamã ficou muito zangado e disse: — Eu pensava que pelo menos o profeta ia sair e falar comigo e que oraria ao SENHOR, seu Deus, e que passaria a mão sobre o lugar doente e me curaria! Além disso, por acaso, os rios Abana e Farpar, em Damasco, não são melhores do que qualquer rio da terra de Israel? Será que eu não poderia me lavar neles e ficar curado? E foi embora muito bravo. Então os seus empregados foram até o lugar onde ele estava e disseram: — Se o profeta mandasse o senhor fazer alguma coisa difícil, por acaso, o senhor não faria? Por que é que o senhor não pode ir se lavar, como ele disse, e ficar curado? Então Naamã desceu até o rio Jordão e mergulhou sete vezes, como Eliseu tinha dito. E ficou completamente curado. A sua carne ficou firme e sadia como a de uma criança.
7- Aplicação: Nessa história aprendemos sobre fé. Você sabe o que é fé? Na Bíblia diz que a fé é a certeza de que vamos receber as coisas que esperamos e a prova de que existem coisas que não podemos ver. A menina israelita teve fé que o profeta poderia curá-lo daquela terrível doença. Ela era apenas uma menina, mas sabia do que o seu Deus era capaz de fazer, e pela sua fé ela fez com que Naamã também cresse e seguisse o que o profeta disse. Temos que mostrar para as pessoas, a nossa fé em Deus, porque é pela nossa atitude que as pessoas também vão crer em Deus! Não importa a sua idade, Deus quer usar você como testemunha para outras crianças e também para os adultos.
8- Atividade: Hoje vamos brincar de morto-vivo! Líder, antes da célula elabore algumas frases da história, algumas verdadeiras e outras falsas, você vai dizer essas frases na hora da brincadeira. A criança vai ouvir e vai ter que analisar. Se para ela for verdadeira ela tem que ficar de pé, se for falsa tem que abaixar. A criança que errar sai da brincadeira. A criança que ficar até o fim vence. Lembre as crianças que esse foi o mesmo movimento que Naamã fez para ser curado no rio Jordão, mergulhou sete vezes e saiu curado!
9- Comunhão / Encerramento

 

_____________________________________________________________________

TEMA: A Menina Mensageira de Deus
TEXTO-BÍBLICO: 2° Reis 5.1-19
VERSÍCULO DO DIA: “…—Vão pelo mundo inteiro e anunciem o evangelho a todas as pessoas.” Marcos 16.15
OBJETIVOS DA LIÇÃO: Saber que Deus pode usar uma criança para falar da Sua Palavra e abençoar vidas.

INTRODUÇÃO
Quem aqui sempre ajuda a mamãe nas tarefas de casa, ou o papai? Deus fica muito feliz quando ajudamos, fazemos o bem às outras pessoas.

E por falar nisso, hoje nós vamos estudar aqui na Palavra de Deus a história de uma menina que ajudou uma família a conhecer o nosso Deus.

DESENVOLVIMENTO
Naamã, o comandante do exército da Síria, era muito respeitado e estimado pelo rei do seu país porque, por meio de Naamã, o SENHOR Deus tinha dado a vitória ao exército dos sírios.

Ele era um soldado valente, mas sofria de uma terrível doença da pele. Esta doença chama-se lepra.
Num dos seus ataques contra Israel, os sírios haviam levado como prisioneira uma menina israelita, que ficou sendo escrava da mulher de Naamã.
Um dia a menina disse à patroa:
— Eu gostaria que o meu patrão fosse falar com o profeta que mora em Samaria, pois ele o curaria da sua doença.
Então Naamã foi falar com o rei e contou o que a menina tinha dito. E o rei ordenou:
— Vá falar com o rei de Israel e entregue esta carta a ele.
Vejam só que coisa maravilhosa crianças, Naamã e sua esposa acreditaram nas palavras da menina, sem duvidar!
Com certeza a menina era uma serva boa e obediente que, mesmo estando distante dos pais, não deixou de acreditar em Deus. Vocês também podem falar do poder de Deus para os seus amigos de uma forma simples, sem precisar usar palavras difíceis. Basta falar daquilo que tem aprendido na Palavra de Deus e crê.
Então Naamã saiu, levando uns trezentos e cinqüenta quilos de prata, e uns setenta quilos de ouro, e dez mudas de roupas finas. A carta que ele levava dizia assim:
“Esta carta é para apresentar Naamã, que é meu oficial. Eu quero que você o cure.”
Quando o rei de Israel leu a carta, rasgou as suas roupas em sinal de medo e exclamou:
— Como é que o rei da Síria quer que eu cure este homem? Será que ele pensa que eu sou Deus e que tenho o poder de dar a vida e de tirá-la? Ele está querendo briga!
O profeta Eliseu soube do que havia acontecido e mandou dizer ao rei:
— Por que o senhor está tão preocupado? Mande que esse homem venha falar comigo, e eu mostrarei a ele que há um profeta em Israel!
Então Naamã foi com os seus cavalos e carros e parou na porta da casa de Eliseu. Eliseu mandou que um empregado saísse e dissesse a ele que fosse se lavar sete vezes no rio Jordão, pois assim ficaria completamente curado da sua doença.
Mas Naamã ficou muito zangado e disse:
— Eu pensava que pelo menos o profeta ia sair e falar comigo e que oraria ao SENHOR, seu Deus, e que passaria a mão sobre o lugar doente e me curaria! Além disso, por acaso, os rios Abana e Farpar, em Damasco, não são melhores do que qualquer rio da terra de Israel? Será que eu não poderia me lavar neles e ficar curado?
E foi embora muito bravo.
Então os seus empregados foram até o lugar onde ele estava e disseram:
— Se o profeta mandasse o senhor fazer alguma coisa difícil, por acaso, o senhor não faria? Por que é que o senhor não pode ir se lavar, como ele disse, e ficar curado?
Então Naamã desceu até o rio Jordão e mergulhou sete vezes, como Eliseu tinha dito. E ficou completamente curado. A sua carne ficou firme e sadia como a de uma criança.
Depois ele voltou com todos os seus homens até o lugar onde Eliseu estava e disse:
— Agora eu sei que no mundo inteiro não existe nenhum deus, a não ser o Deus de Israel. Aceite um presente meu, por favor.
Eliseu respondeu:
— Juro pelo SENHOR, o Deus vivo, a quem sirvo, que não aceitarei nenhum presente.
Naamã insistiu com ele para que aceitasse, mas ele não quis. Aí Naamã disse:
— Já que o senhor não quer aceitar o meu presente, então deixe que eu leve para casa duas mulas carregadas de terra, pois de agora em diante eu não vou oferecer sacrifícios e ofertas que são completamente queimadas a nenhum deus, a não ser a Deus, o SENHOR. Mas eu gostaria que ele me perdoasse uma coisa, que é a seguinte: quando eu tiver de acompanhar o meu rei ao templo de Rimom, o deus da Síria, para ali adorar, eu vou ter de adorá-lo também. Que o SENHOR Deus me perdoe por isso!
Eliseu disse:
— Adeus! Boa viagem!

CONCLUSÃO
Ah! Que grande alegria para a pequena menina! Ela havia ajudado uma família a conhecer o verdadeiro Deus!
O comandante Naamã acreditou no Senhor através das palavras daquela menina. Vocês crianças, não precisam esperar crescer para falar de Jesus para os seus coleguinhas e familiares, pois Deus chamou cada um de vocês para serem mensageiros Dele.

SUGESTÕES PARA ESTA LIÇÃO
Você poderá preparar como Método Visual para esta lição “Palitoches” (figuras no palito) dos personagens principais desta história bíblica. No anexo você encontrará: Naamã, a esposa de Naamã, Profeta Eliseu, a Menina Israelita.

Como na lição de hoje tivemos um exemplo da menina que falou do Deus verdadeiro para a família do comandante Naamã, que tal confeccionar com seus alunos um convite para que eles convidem seus amigos a virem na Igreja. Você poderá escrever todas as informações importantes (data, horário, endereço, o texto do convite) e deixar um desenho para que as crianças pintem. Peça que eles levem para um amigo, ou mais amigos se você der mais de um convite para cada criança, que ainda não conhece Jesus.
Poderá ser utilizado o DVD MIDINHO – O PEQUENO MISSIONÁRIO vol. 4, a história A CURA DE NAAMÃ.
Para o Versículo do Dia poderá ser feito um cartaz com figuras de crianças das mais diversas partes do mundo.

ESTUDO RETIRADO DE  http://karolpoerner.blogspot.com